Crônicas

águia…

a ampulheta dispara
a areia escorre com a força de um tornado
o vento avança, toca tua pele
as coisas mudam,
todos nós…
a vida simplesmente assim é.
e tu sentada na grandiosa montanha
observando o horizonte
linda, nostalgica,
pensando mais uma vez…
aquela dor da ausencia
permanece em ti.
do teu singelo rosto
rolam as poucas lagrimas que ainda restam,
a tristeza se acumula.
uma águia esvoaça no céu
trazendo a chama da liberdade.
chama ardente
meia eloquente…
                             
aquela nostalgia passou.
a águia voou.
sentada permaneces
a vida passa, passa
fixas o horizonte
a brisa te embala
deixas-te assim
saudade nao tem fim…
volta pra mim   
       
Psy Princesa do Nilo       
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s